quarta-feira, 16 de abril de 2008

Clube satélite: SIM OU NÃO?

Desde que foi consumada a descida de divisão da equipa júnior do Freamunde, muito se tem discutido sobre o sector de formação do clube e, um dos temas que tem gerado mais controvérsia, tem sido exactamente, a a procura ou não de um clube satélite, que milite na 3ª divisão ou até mesmo um clube que dispute a subida de divisão no campeonato distrital da AF Porto.
Por um lado a parceria com um clube de divisão inferior, onde os jovens saídos da formação pudesse jogar com mais regularidade seria extremamente benéfico, por outro lado, as despesas inerentes a esse acordo, provavelmente seriam elevadas, dependendo muito, na minha opinião, das negociações com o suposto clube.

Como tal, as opiniões são muito diversificadas, fica aqui o espaço para a discussão do tema, assim como uma pequena sondagem, colocada na barra lateral direita do blog, onde se poderá votar qual das situações será mais benéfica para o Freamunde.

CLUBE SATÉLITE: SIM OU NÃO?

15 comentários:

Anônimo disse...

É manifesto que a resposta não deixará de ser positiva.A visão estreita que não se deve dar publicidade, para não aguçar o apetite alheio, é do século passado e de quem não tem sensibilidade bastante para a realidade desportiva actual.É necessário mentaliades arejadas, que se exponham, não tendo, nunca, receio, do exame do trabalho realizado, aprendendo, inclusivé, com erros cometidos, tendo a humildade de os «paternizar», espraiando as escolhas e fugindo, se possivel daquele, sempre, idêntico círculo de directores que não permitem a circulação de novos ventos.Viva o SCF.JR.

Anônimo disse...

penso que sim, ter um clube satélite, pois quando os jovens saem da formaçao muitas das vezes nao têm oportunidades, assim podiam jogar num clube mais inferior e ter as suas oportundiades.
com isso ganhavam mais maturidade, mais valor e nunca se sabe que um dia alguns deles podessem vestir a camisola do Freamunde com muito orgulho.

Anônimo disse...

Ai Jr. és o mesmo do rei vai nu...

nuno leão disse...

A pergunta é fazer é mais esta: Há orçamento para isso?
Não se esqueçam que também existe uma liga intercalar na AF Porto e que o SCF não se mostrou interessado em participar. E a esta nega não ha-de ser indiferente os gastos fora do orçamento.
É que será que a arranjar um clube satélite, isso seria gratuito? Não sei não...

Anônimo disse...

concordo com o nuno leão.

Anônimo disse...

Só quem não quer ver é que pensa k seria possivel uma nova equipa sem custos...

Desportubol disse...

Parabéns pelo aniversário.
A minha opinião segue a tendência das anteriores. Não faz sentido criar um clube satélite, quando se recusa jogar na liga intercalar. A questão dos satélites beneficia, única e exclusivamente, o dependente, visto que utiliza os jogadores a baixo custo, sem comprometimento contratual. Para o Freamunde (no caso) seria mais uma despesa e, ainda por cima, sem retorno. Basta ver o que acontece com a Académica em relação ao Tourizense (põe os jogadores na 2ªD e depois não os recupera, investindo em contratos que depois não os rentabiliza). Quanto à questão das oportunidades dos jovens saídos da formação é uma falsa questão. Para um jogador arranjar clube, não é necessário o abrigo do "clube satélite".

Anônimo disse...

Não entramos na liga intercalar por incompetência do clube.jacobino

Anônimo disse...

De facto, na minha opinião seria mais benefico a equipa no proximo ano participar na intercalar. Seria muito mais motivante até para os miudos, alem de ficar bem mais barato!

Anônimo disse...

O Sporting já teve o Lourinhanense e apesar de terem saido de lá alguns bons jogadores, o que é facto é que a ligação terminou.
A Academica tem o Tourizense e pouco ou nada retira de lá.
E tirando estes poucos são os que tem clubes satelites.

Sera melhor tentar emprestar os melhores jogadores sem acordos com clubes satelites. O Freamunde tendo 4 ou 5 jogadores para emprestar, pode faze-lo, emprestando a 4 ou 5 clubes diferentes!

Anônimo disse...

k tal o ferreira para klub satelite

Anônimo disse...

E porque não o Ferreira?É um clube digno como quqlquer outra colectividade.Se calhar é melhor o Ermesinde,Eiriz...Valha-lhes Deus, menores mentais medievais.Espero não ser ameaçado.jacobino.

Anônimo disse...

criar dificuldades é bom para o poleiro:gastos,custos,é melhor para tratar da quinta.JR

Anônimo disse...

clube satélite talvez nao ja que a direcçao diz que fica mt caro.
mas entao prq nao arranjar clube para aqueles que rodando um dois ou tres anos tem valor pa jogar no freamunde???

Anônimo disse...

este jacobino ja ta com medo? não vi ninguem ameaça-lo.