patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Sta. Clara 2-1 Freamunde

O Santa Clara somou hoje três pontos ao bater o Freamunde por 2-1, num jogo tranquilo referente à 30ª e última jornada da Liga de Honra de futebol.
As duas equipas, serenas na tabela classificativa para a última ronda do campeonato, entraram em campo dispostas a lutar pela vitória, cabendo ao Santa Clara as ocasiões de maior perigo.
A formação açoriana chegou ao golo logo aos 18 minutos, depois de um cruzamento rasteiro de Júlio César, que Cleiton aproveitou para rematar forte e colocado e inaugurar o marcador.
O Freamunde não acusou a desvantagem e foi à procura do empate, o que aconteceu aos 30 minutos, quando Diogo, descaído pela direita, rematou fora do alcance do guarda-redes João Botelho, que ainda viu a bola, caprichosamente, bater no poste antes de entrar na baliza.
Já no segundo tempo, a equipa continental dispôs de algumas oportunidades de golo eminente, mas Bock, muito perdulário na altura do último remate, desperdiçou duas grandes ocasiões para colocar o Freamunde em vantagem.
Quem aproveitou foi o Santa Clara que, aos 48 minutos, chegou ao 2-1, na sequência de um cruzamento de Josa, ao qual Júlio César, um dos melhores em campo, respondeu com um remate sem hipótese de defesa para Kiko.
Com a vitória de hoje o Santa Clara subiu ao 10º lugar da Liga de Honra, com 37 pontos, enquanto que o Freamunde desceu ao 13º posto, com 35 pontos somados em 30 jornadas.

Jogo disputado no estádio da ilha de São Miguel, nos Açores.
Santa Clara - Freamunde, 2-1.
Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:
1-0, Cleiton, 18 minutos.
1-1, Diogo, 30.
2-1, Júlio César, 48.

Equipas:
- Santa Clara: João Botelho, Portela, Accioly, Anselmo, Nuno Sociedade, Bruno Novo (Pacheco, 70), Cleiton, Kall, Josa, Henrique (Vítor Silva, 46) e Júlio César (Hugo Menina, 84).
(Suplentes: Miguel Pinto, Jorge Humberto, Vítor Silva, Pacheco, Hugo Menina, Ruben Leite e Ruben Rodrigues).

- Freamunde: Kiko, Artur (Milton, 75), Hesley, Bruno Ferraz (Vítor, 25), André Marques, Raviola, Brandão (Nandinho, 59), Nelson, Bertinho, Diogo e Bock.
(Suplentes: Rui Ribeiro, Vítor, Milton, Nandinho e Luís Pedro).

Árbitro: Vasco dos Santos (Porto).
Acção disciplinar: Cartão amarelo para Júlio César (49), Vítor (62) e Heslley (86).
Assistência: Cerca de 600 pessoas.

Submetido por "Lusa"

3 comentários:

Anônimo disse...

Assistência: Cerca de 600 pessoas.


quantas do freamunde???

500 eram da brigata...

cambada de paneleiros

Anônimo disse...

Eleve-se a qualidade dos comentários.Lamenta-se a permissividade de tais sueltos, que deveriam ser puramente banidos.Freamunde, terra de cultura e paz, não os merece.Viva o SCF e Freamunde.JR

FCV disse...

É pena realmente a falta de publico nos estádios, se bem que o desempenho da equipa condiciona desde logo. Eu vi isso no caso do Vizela, que a partir da segunda volta teve um aumento significativo na assistência, fruto da boa classificação, embora até aí tivesse uma assistência média de 2000 pessoas, passando depois para as 3000.

Saudações vizelenses