patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

domingo, 5 de dezembro de 2010

SC Freamunde 1-0 Desp. Aves

Figueira em destaque

Guardião garante triunfo em jogo de aflitos

Uma grande exibição do guarda-redes Tó Figueira garantiu este domingo uma importante vitória ao Freamunde face ao D. Aves (1-0), num jogo de aflitos da 10.ª jornada da Liga Orangina, marcado por uma arbitragem polémica.

O leiriense Olegário Benquerença não esteve à altura do estatuto de árbitro internacional, deixando dúvidas nas duas grandes penalidades assinaladas, uma para cada lado, parecendo também exagerada a amostragem do segundo cartão amarelo a Marco Matias, que deixou o Freamunde a jogar com 10 mais de meia hora.

Num jogo disputado debaixo de muita chuva, em especial no primeiro tempo, valeu o remate certeiro do capitão freamundense Bock, aos sete minutos, na cobrança de uma grande penalidade, a dar vantagem aos anfitriões, que Tó Figueira ajudou a segurar com quatro enormes defesas.
O guarda-redes dos locais começou a brilhar bem cedo no jogo, logo aos 11 minutos, quando defendeu o remate denunciado de Rabiola na cobrança de uma grande penalidade, a quem voltou a negar o golo por mais duas vezes no mesmo lance, aos 34 minutos, repetindo o que já fizera três minutos antes, aos 30, a João Pedro.
Com a expulsão (pareceu exagerada) de Marco Matias, já no segundo tempo, aos 56 minutos, o treinador do Aves reforçou o ataque, mas Rabiola e Tozé Marreco não foram felizes nos remates, podendo queixar-se do mesmo Pedro Pereira, quando acertou na trave, aos 81 minutos.
O Aves adaptou-se melhor ao terreno pesado, mas a sua vantagem traduziu-se apenas no maior tempo de posse de bola e no maior número de remates à baliza, face a um adversário que foi gerindo a vantagem como podia, acabando o encontro remetido à sua área.

Com este resultado, o Freamunde passa a somar 11 pontos, dando um pequeno passo em frente na classificação, enquanto o D. Aves, que podia ter conseguido outro resultado, mantém nove pontos e caiu na zona de descida.

Jogo no Complexo Desportivo do Freamunde

Ao intervalo: 1-0.
Marcador: 1-0, Bock, 7 minutos (gp)

Freamunde: Tó Figueira, Raviola, Luís Pedro, Hélder Sousa, Sérgio Nunes, Alonso, Luiz Carlos (Tarcísio, 58), Junior Maranhão, Marco Matias, João Rodrigues (Maciel, 71) e Bock (Ostolaza, 78).

D. Aves: Hélder Godinho, Marco Airosa (Tozé Marreco, 59), João Pedro, Gonçalo, Vítor Vinha, Júlio César, Marco Cláudio (Vasco Matos, 74), Lourenço, Pedro Pereira, Luisinho e Rabiola.

Árbitro: Olegário Benquerença (Leiria).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Gonçalo (6), Luiz Carlos (10), Sérgio Nunes (11), Marco Matias (30 e 56), Pedro Pereira (32), Tarcísio (80) e Júlio César (90+4). Expulsão por acumulação de cartões amarelos para Marco Matias (56).

in "Record online"

4 comentários:

Anônimo disse...

Que grande jogo fez o Glorioso Freamunde.
contra tudo e contra todos.
Grande caracter, grande entrega, grande atitude.
Não foi façil, mas demonstramos que temos um espirito fortissimo como equipa.
Parabens a todos.

Anônimo disse...

Ontem não foi FREAMUNDE-Aves, foi Tó Figueira-Aves; o nosso Tó fez ontem um jogo ai meu deus nem o Buffon

Anônimo disse...

Grande Tó contra tudo e contra todos!
Somos sempre prejudicados é uma coisa terrível! Já foi no Fátima, ontem outra vez! Nem sem o JR no banco acaba esta vergonha com o SCF!

Anônimo disse...

parabens tó figueira obg pela entrega