patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

sábado, 15 de junho de 2013

Freamunde elege direção e sócios rejeitam parceria com Paços de Ferreira

Sócios do Freamunde elegeram hoje Miguel Pacheco para presidente do clube.

 

Os sócios do Freamunde elegeram hoje Miguel Pacheco para presidente do clube, despromovido à II Divisão de futebol, e rejeitaram qualquer tipo de parceria com o Paços de Ferreira, numa das mais concorridas assembleia-gerais dos últimos anos.

Miguel Pacheco integrava a anterior direção, à semelhança da maioria dos elementos que o acompanham neste mandato de um ano, e foi eleito por maioria, numa votação que contou ainda 16 abstenções.

Na sua primeira declaração como presidente, demarcou-se da possibilidade de uma parceria a estabelecer com o "vizinho" Paços de Ferreira, contrariando as declarações proferidas na véspera pelos presidentes dos dois clubes, o que mereceu uma estrondosa ovação da assembleia, que lotou a Casa da Cultura de Freamunde.

«Esperámos por esta hora para vos deixar tranquilos, temos um nome a defender e está totalmente colocada de parte qualquer parceria com os nossos vizinhos (de Paços de Ferreira)», disse Miguel Pacheco, sossegando os associados, contrários a qualquer parceria com o clube da I Liga de futebol.

Adelino Machado antecipou em uma semana o regresso a Freamunde, numa viagem realizada desde Cracóvia, na Polónia, para se opor a qualquer entendimento.

«Isto é impossível de acontecer», afirmou no final da Assembleia-Geral (AG), seguindo a linha de pensamento de outros associados, para quem «Freamunde será toda a vida Freamunde».

A rivalidade com Paços de Ferreira sobressaiu na reunião magna e fez despertar a paixão dos freamundenses pelo clube do mesmo concelho, com manifestações de apoio a quem se demarcou da possibilidade de os dois emblemas avançarem para uma parceria e a criação de uma comissão para angariação de verbas.

Serenados os ânimos, o novo presidente definiu à agência Lusa como prioridade «reestruturar o clube, para evitar os incumprimentos salariais» verificados esta época, «sem descurar os aspetos desportivos».

«Queremos criar uma estrutura forte, com incidência na formação, mas só agora começámos a trabalhar», disse Miguel Pacheco.

A tomada de posse dos novos corpos sociais do clube será feita na próxima AG, a 28 de junho, coincidindo com a apresentação de contas por parte da direção cessante, liderada por José Coelho.
 
Lusa

2 comentários:

Joao Paulo disse...

Na foto da assembleia kem é o rapazito de camisa azul aos kuadraditos azules,meio envergonhado,cus dedinhos a segurar os keixos,escondendo a face e a (in)consciência do estado a k pôs o clube desportiva e economicamente,descida,4/5 meses de salários e dividas fiscais,com a garantia k o futuro do clube tava nos jovens,descidos nos juniores e juvenis.grande ruipazito

Joao Paulo disse...

Na foto da assembleia kem é o rapazito k veste camisa aos quadraditos azules,cus dedinhos a segurar os keixos a esconder a face,meio envergonhado, e, kem sabe, a (in)consciência,o verdadeiro autor moral de mandar o scf para a segunda divisao nos seniores, juniores e juvenis e atolando em dividas salarios quatro a cinco meses fisco cem mil euros, kem é o ruipazito?