patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Freamunde-Leixões, 2-0: Vitória dá liderança isolada

JOGO MARCADO POR 15 AMARELOS E TRÊS VERMELHOS

O Freamunde recebeu e venceu o Leixões por 2-0, com um golo em cada parte, ascendendo isolado à liderança da 2.ª Liga , num jogo da sétima jornada marcado por 15 cartões amarelos e três vermelhos.

A estatística negra do jogo, que inclui também a expulsão do técnico Freamunde, Filó, desvirtua o que se passou em campo e só se entende por sede de protagonismo de um árbitro que não teve critério.

Os locais tiveram mais iniciativa, volume e qualidade de jogo, justificando o triunfo que se começou a desenhar aos 16 minutos, quando o central Pedro Pinto, do Leixões, na tentativa de desfazer um centro de Jô, introduziu a bola na própria baliza. No reatamento, aos 50, Bruno Santos, com a colaboração de um defesa contrário, fez o segundo.

O Leixões viu-se pouco em jogo e viveu na esteira das iniciativas de Cadinha, mas passou a maior parte do tempo a ver o Freamunde trocar a bola. Pedrinho, aos 24 minutos, acertou no ferro da baliza de Chastre, após desvio num defesa do Leixões.

A segunda parte viveu do mesmo, com o Freamunde por cima no jogo, privilegiando a posse de bola e revelando uma objetividade que o Leixões nunca mostrou, e, por isso, não estranhou o segundo golo, apontado pelo defesa direito Bruno Santos, aos 50 minutos.

Aos 62 minutos, o defesa esquerdo Rui Rainho viu o segundo amarelo e deixou a equipa da casa reduzida a 10 elementos, mas os forasteiros só por duas vezes ameaçaram a baliza de Marco Rocha, obrigado verdadeiramente a mostrar serviço aos 69 minutos, a remate de Mendes.

A vitória no encontro e o empate do Benfica B (2-2 na receção ao Atlético) deixou o Freamunde isolado na liderança da II Liga, com 16 pontos, enquanto o Leixões mantém oito e está na segunda metade da tabela classificativa.

Jogo no Estádio do SC Freamunde, em Freamunde

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores: 1-0, Pedro Pinto, 16 minutos (própria baliza). 2-0, Bruno Santos, 50.

Freamunde: Marco Rocha, Bruno Santos, Monteiro, Luís Pedro, Rui Raínho, Barbosa, Robson, Pedrinho (Hugo Lopes, 87), Jô, Fausto Lourenço (Allan, 88) e Ansumane.
Suplentes: Jorge Baptista, Hugo Lopes, Toni, Lio, Allan, Dally e Tiago Cintra.
Treinador: Filó.

Leixões: Chastre, Gonçalo Graça, Orlando, Pedro Pinto, João Viana, Tiago Lenho (Pedras, 68), Cadinha, Moedas (João Novais, 57), Yuanyi Li (Preciado, 46), Mendes e Leandro. Suplentes: Ricardo Moura, João Novais, Pedras, Filipe Machado, Rui André, Chiquinho e Preciado.
Treinador: Horácio Gonçalves. Árbitro: Jorge Ferreira (Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Monteiro (12), Yuanyi Li (12), Jô (13), Leandro (40), Moedas (45), Tiago Lenho (46), Rui Raínho (56 e 62), Pedrinho (62), Bruno Santos (67), Barbosa (81), Pedras (90+1), João Viana (90+4) e Preciado (90+5). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Rui Raínho (62). Cartão vermelho direto para João Novais (90+6). O treinador do Freamunde, Filó, foi expulso do banco (83).

Assistência: Cerca de 500 espetadores.

in Record online

Nenhum comentário: