patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Freamunde 1-3 Penafiel

Aldair bisa em domínio penafidelense

O Penafiel conquistou esta quarta-feira a segunda vitória consecutiva fora de portas, ao bater merecidamente o Freamunde, em inferioridade numérica desde os 58 minutos, por 3-1, em jogo da sexta jornada da 2.ª Liga.

O avançado Aldair foi a figura maior de um jogo de domínio repartido, ao apontar dois dos três golos da equipa, aos 61 e 85 minutos, com remates de longe, tirando partido da inferioridade numérica dos locais, após expulsão de Brandão, por acumulação de amarelos, aos 58.

A formação penafidelense entrou no jogo a dominar e a beneficiar da melhor distribuição em campo dos seus jogadores, que lhe permitia sair para o ataque em vantagem numérica, tendo-lhe pertencido as únicas oportunidades de golo do primeiro tempo. Romeu Torres, o mais perdulário, falhou frente a Tó Figueira, aos 10 minutos, antecipando o golo que Rafa viria a marcar, aos 14', num cabeceamento após canto da esquerda.

Sem capacidade de reação e pressionado pela desvantagem no marcador, o Freamunde via o adversário jogar e desperdiçar lances de golo, com destaque para Ferreira, aos 22 minutos, e Romeu Torres, que, aos 25, permitiu a defesa de Tó Figueira na cobrança de uma grande penalidade.

O técnico do Freamunde, Nuno Santos, mexeu na equipa ao intervalo, com as entradas de Zé Alberto e Joel, e a equipa melhorou substancialmente, acabando por empatar, por Lio, aos 58, na cobrança de uma grande penalidade, por mão de Gabriel na área penafidelense. Mais pressionantes sobre o homem da bola e com o meio-campo mais adiantado, os locais pareciam capazes de dar a volta ao resultado, mas os dois cartões amarelos visto por Brandão no espaço de oito minutos (50 e 58) foram um golpe demasiado forte para a equipa, em especial a partir do segundo golo do Penafiel.

Aldair, aos 61, rematou fora de área, num "chapéu" de medidas certas para Tó Figueira, que pareceu ter sido apanhado desprevenido no lance do terceiro golo, aos 85, novamente apontado por Aldair e igualmente fora de área.

Com esta vitória, o Penafiel, que não perde para o campeonato desde 22 agosto (derrota em casa com o Arouca por 3-0), ascendeu ao grupo das equipas com 10 pontos, na primeira metade da classificação, enquanto o Freamunde manteve o penúltimo lugar, com dois pontos conquistados.

Ao intervalo: 0-1.
Marcadores: 0-1, Rafa, 14 minutos. 1-1, Lio, 49 (grande penalidade). 1-2, Aldair, 61. 1-3, Aldair, 85.

Freamunde: Tó Figueira, Laranjeiro, Batista, Luís Pedro, Tico, Brandão, Babo (Zé Alberto, 46), Lio (Machado, 80), Pedró, Cristophe (Joel, 46) e Bock. (Suplentes: Peter, Zé Alberto, Barbosa, Fábio Jorge, Pedrinho, Machado e Joel). Treinador: Nuno Sousa.

Penafiel: Coelho, Gabriel, Fábio Ervões, Leomar, Vítor Bruno (Elísio, 72), Ferreira, Rafa, Aldair, Robson (Sérgio Organista, 84), Mbala e Romeu Torres (Joel, 73). (Suplentes: Nuno Santos, Joel, Pedro Santos, Pedrinha, Elísio, Sérgio Organista e Pedro Coronas). Treinador: Miguel Leal.

Árbitro: Marco Ferreira (Madeira).
Ação disciplinar: cartão amarelo para Brandão (50 e 58), Vítor Bruno (64), Bock (65), Fábio Ervões (74), Elísio (81), Tico (86) e Zé Alberto (87).
Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Brandão (58).
Assistência: Cerca de 500 espectadores.

Nenhum comentário: