patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Freamunde 1 - 1 Chaves

Num jogo de candidatos à subida, Freamunde e Chaves empataram esta quarta-feira 1-1, um resultado da 43.ª jornada da II Liga que desagrada a ambos, após jogo repartido e decidido em lances de bola parada. 

O Freamunde inaugurou o marcador por Pedrinho, aos 22 minutos, de livre direto, mas o Chaves restabeleceu a igualdade por Patrão, aos 42, na cobrança de uma grande penalidade, a punir uma entrada de Barbosa sobre Luís Pinto na área freamundense.

O lance pareceu regular, mas os adeptos locais queixaram-se com razão do critério do internacional Duarte Gomes, tanto em termos disciplinares, como na marcação das faltas.

Num estádio bem muito bem composto para um dia de semana, o jogo foi dividido, com alternância de posse de bola, apesar de os melhores lances do jogo terem pertencido aos locais, face a um adversário que, em função das credenciais que apresenta desde o início da época, devia de ter mostrado mais ambição.

Os flavienses contaram com um inspirado João Góis, reforço do Paços de Ferreira que se mostrou hoje ao técnico Paulo Fonseca, presente nas bancadas, mas revelaram dificuldades na construção de jogo e, sobretudo, na aproximação à área contrária.

Numa partida muito tática, com as defesas a anularem os ataques, o Freamunde, mais atrasado na classificação, arriscou tudo e, mesmo sem grandes lances de perigo junto das duas balizas, podia, já nos descontos, ter marcado, mas Leandrinho, calculou mal a entrada à bola, e desperdiçou a mais flagrante oportunidade de todo o jogo.

Com este empate, o Chaves, agora com 73 pontos, perdeu o segundo lugar para o Sporting da Covilhã, com 74, que hoje goleou na receção ao Oriental por 7-1.

O Freamunde, por sua vez, é oitavo, com 69, e pode ter-se despedido em definitivo da discussão por um dos dois lugares de subida na II Liga, que continua a ser liderada pelo Tondela (79 pontos), surpreendentemente derrotado em casa pelo Desportivo das Aves (3-0), desperdiçando a oportunidade de celebrar já hoje a inédita promoção.

Jogo no estádio do SC Freamunde, em Freamunde.

Freamunde - Desportivo de Chaves, 1-1.

Ao intervalo: 1-1.

Marcador:

1-0, Pedrinho, 22 minutos.

1-1, Patrão, 42 (grande penalidade).

Equipas:

- Freamunde: Marco Rocha, Tiago Mesquita, Rocha, Amadeu, Huguinho, Pedrinho, Barbosa (Leandrinho, 66'), Robson, Jô (Tiago Leão, 79'), Djim (Dally, 62') e Ansumane.

(Suplentes: Jorge Baptista, Artur Jorge, Lio, Leandrinho, Dally, Tiago Leão e Paulo Roberto).

Treinador: Filó.

- Chaves: Paulo Ribeiro, Sagna, Stéphane Madeira, Miguel Ângelo, João Góis, Bruno Magalhães, Hugo Santos (João Mário, 63'), Raphael Guzzo (Tarcísio, 69'), Patrão, Luís Pinto (João Vieira, 81') e Barry.

(Suplentes: Stéfanovic, Ícaro, Tarcísio, João Vieira, João Mário, João Reis e Gustavo Souza).

Treinador: Carlos Pinto.

Árbitro: Duarte Gomes (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Amadeu (9'), Huguinho (35'), Stéphane Madeira (40'), Barbosa (42'), Tarcísio (70'), Luís Pinto (74'), Robson (81'), Sagna (85').

Assistência: Cerca de 2.000 espectadores.

@Record

Nenhum comentário: