patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

patrocinadores Oficiais do SC Freamunde

segunda-feira, 30 de março de 2015

Resumo Freamunde 2-0 Vitória B

Freamunde-V. Guimarães B,2-0: Regresso às vitórias em jogo antecipado

JÁ NÃO VENCIA HÁ SEIS JORNADAS


O Freamunde recebeu e venceu este domingo o V. Guimarães B por 2-0, quebrando um ciclo de seis jogos sem ganhar, em encontro antecipado da 39.ª jornada da Segunda Liga.

Djim inaugurou o marcador, aos 14 minutos, de livre direto, e Fausto Lourenço fez o segundo e resolveu o jogo a favor do Freamunde, aos 85, a concluir um contra-ataque, num resultado certo, embora pesado para a formação vimaranense.

As duas equipas encaixaram-se e disputaram o jogo, repartido inicialmente, com os olhos postos na baliza adversária, enriquecendo o espetáculo, que ganhou um protagonista aos 14 minutos, quando Djim, de livre direto, fez um golo de levantar o estádio, na segunda tentativa.

Pedrinho era o jogador dos locais que metia velocidade no jogo e, aproveitando a vocação ofensiva do lateral direito Tiago Mesquita, combinou várias vezes com o colega de equipa, chegando este último a ameaçar o segundo já nos descontos.

O Vitória nunca se rendeu à desvantagem e Areias, em especial, deu muito trabalho aos centrais do Freamunde, juntamente com Nassim, um jogador criativo, embora algo complicativo na finalização.

Aos 25 minutos, os jogadores do Guimarães ficaram a reclamar carga de Luís Pedro na área do Freamunde sobre Areias, mas Jorge Tavares mandou jogar.

Na segunda parte, o Vítória assumiu o comando do jogo, mas sem assustar verdadeiramente a baliza do Freamunde, equipa que concedeu o domínio territorial e procurava explorar o contra-ataque.

O intermitente Djim ainda protagonizou dois lances individuais para os locais, mas seria Fausto Lourenço, a cinco minutos do fim, já depois das entradas de Dally e Jô para o ataque, que o jogo ficaria resolvido.

Num lance puro de contra-ataque pelo lado esquerdo, a bola circulou por vários jogadores e, depois de um desvio falhado de Dally, a bola chegou a Fausto Lourenço, que, à meia volta, bateu Miguel Oliveira pela segunda vez e fez descansar os adeptos do Freamunde.

Com este triunfo, o Freamunde igualou as equipas 'B' do Sporting e Benfica e o Sp. Covilhã, todos com 60 pontos, mas mais um jogo, enquanto o V. Guimarães B manteve-se com 54 e numa posição tranquila na classificação.

Jogo no Estádio do SC Freamunde.

Freamunde - V. Guimarães B, 2-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Djim, 14 minutos.

2-0, Fausto Lourenço, 85.

Equipas:

Freamunde: Marco Rocha, Tiago Mesquita, Rocha, Luís Pedro, Rui Raínho, Pedrinho, Barbosa, Robson (Lio, 86), Fausto Lourenço, Ansumane (Jô, 72) e Djim (Dally, 69).

Suplentes: Jorge Baptista, Amadeu, Huguinho, Lio, Jô, Dally e Paulo Roberto).

Treinador: Filó.

V. Guimarães B: Miguel Oliveira, Arrondel, Lima Pereira, Denis, Luís Rocha, João Pedro, Bruno Alves, Cláudio, Nassim (Joseph, 86), Knezevic (Rómulo, 61) e Areias.

Suplentes: Miguel Silva, Isaac, Helinho, Gilberto, Telmo Castanheira, Joseph e Rómulo).

Treinador: Armando Evangelista.

Árbitro: Jorge Tavares (Aveiro).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Bruno Alves (35), Nassim (35), Robson (45+1), Djim (48), Fausto Lourenço (70), Tiago Mesquita (74), Luís Pedro (76) e Rómulo (90+4).

Assistência: Cerca de 800 espetadores.

segunda-feira, 23 de março de 2015

Farense-Freamunde, 2-1: Algarvios travam visitantes

O Farense, em inferioridade numérica desde o minuto 42, venceu este domingo o Freamunde por 2-1, conseguindo o triunfo na segunda parte do jogo da 36.ª jornada da 2.ª Liga.

Irobiso abriu o marcador para a equipa da casa, logo aos cinco minutos e, ainda na primeira parte, Bruno Gonzalez recebeu ordem de expulsão, mas os algarvios, que viram Djim igualar aos 50, acabaram por festejar o triunfo graças a um tento de Neca, quatro minutos depois.

O Farense, que regressou às vitórias quatro jornadas depois, aguentou a pressão até ao fim e prolongou a crise do adversário, que se mantém na luta pela subida mas somou o sexto jogo consecutivo sem triunfar.

A equipa da casa abriu o marcador logo na primeira oportunidade, aos cinco minutos, por Irobiso, abrindo caminho para uma primeira parte bastante repartida, com o Freamunde a assumir mais ascendente e o Farense a apostar no contra-ataque.

O cenário resultou na divisão das melhores oportunidades: aos 37 minutos, Pedrinho cabeceou ao segundo poste e São Bento salvou em cima da linha, com os forasteiros a protestarem que a bola já estaria dentro, e, três minutos depois, Harramiz obrigou Marco a duas excelentes defesas.

O Farense ficou reduzido a dez jogadores aos 42 minutos, com a expulsão de Bruno Gonzalez, que viu dois amarelos em três minutos, e cedeu a igualdade já no início da segunda metade, por Djim (50'), que tinha sido aposta do técnico do Freamunde ao intervalo.

O empate durou apenas quatro minutos: aos 54', Neca aproveitou um passe longo de Califo e a saída extemporânea do guardião Marco, ganhando a discussão a dois defesas para rematar de primeira, num golo de belo efeito.

O Farense recuou as suas linhas e aguentou a vantagem até ao apito final, perante um Freamunde pressionante que justificou o empate, do qual esteve muito perto aos 73 minutos, num lance de perigo evitado por São Bento com a ajuda da barra.

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.

Farense - Freamunde, 2-1.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Irobiso, 5 minutos.

1-1, Djim, 50'.

2-1, Neca, 54'.

Equipas:

- Farense: São Bento, Hugo Ventosa, Diogo Silva, Lameirão, Califo, Rui Duarte, Neca (Kiki Ballack, 90'+3), Harramiz, Bruno Gonzalez, Irobiso (Bruno Carvalho, 77') e Yang Tan (Edinho Júnior, 60').

Suplentes: Ricardo, Mailó, Kiki Ballack, Alan Khabalov, Edinho Júnior e Bruno Carvalho.

Treinador: Abel Xavier.

- Freamunde: Marco, Mesquita, Rocha, Amadeu (Dally, 71'), Rainho, Robson, Pedrinho (Jô, 62'), Lio, Fausto, Paulo Roberto e Ansumane (Djim, 46').

Suplentes: Jorge Baptista, Barbosa, Jô, Huguinho, Artur Jorge, Dally e Djim.

Treinador: Filipe Rocha.

Árbitro: Bruno Esteves (Setúbal).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Califo (11'), Paulo Roberto (28'), Bruno Gonzalez (39' e 42'), Mesquita (63'), Hugo Ventosa (66'), Irobiso (68'), Djim (69'), Neca (72') e Rocha (82'). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Bruno Gonzalez (42').

Assistência: Cerca de 800 espectadores.

@Record

II Liga: 36ª jornada

36.ª JORNADA

domingo

U. Madeira-Trofense, 1-0 
(Mendy 51')
Portimonense-Olhanense, 1-1 
(Ricardo Pessoa 68', g.p.; Diakhité 79')
Santa Clara-Sp. Braga B, 0-0 
Sp. Covilhã-Marítimo B, 2-1
(Diogo Coelho 7' e 45'; Eber Bessa 76')
Farense-Freamunde, 2-1
(Irobiso 5' e Neca 54'; Djim 50')
FC Porto B-Chaves, 2-2 
(Rafa 5' e Anderson 87'; Siaka Bamba 48' e Luís Barry 58')
Feirense-Ac. Viseu, 3-0 
(Luiz Phellype 15' e 82' e Tonel 53')
Oriental-Tondela, 1-1 
(Hugo Grilo 75'; Nuno Santos 61')
V. Guimarães B-Aves, 1-0 
(Vigário 61')
Leixões-Oliveirense, 4-1
(Tiago de Leonço 58', Mendes 61', Enoh 86' e Novais 90'+4; Yero 64' g.p.)
Beira-Mar-Benfica B,  1-2
(Edivânio 36'; Vítor Andrade 51', Nuno Santos 59' g. p.)
Sporting B-Atlético, 2-0
(Ponde 34' g.p. 67')

quinta-feira, 19 de março de 2015

Freamunde-FC Porto B, 0-2: Dragões atrasam capões

O Freamunde desperdiçou hoje uma nova oportunidade de pressionar os primeiros classificados da II Liga de futebol, ao perder na receção ao FC Porto B, por 2-0, em encontro da 35.ª jornada.
Fréderic inaugurou o marcador, aos 33 minutos, e André Silva, já na segunda parte, aos 72, fechou a contagem e confirmou o triunfo dos ‘azuis e brancos’, pelo mesmo resultado do jogo da primeira volta, atrasando os freamundenses na corrida pela subida de divisão.
Com esta derrota, a oitava dos locais no campeonato, o Freamunde perdeu a hipótese de passar provisoriamente para a frente da classificação. Desceu a quarto – ultrapassado pelo Benfica B – com 57 pontos, atrás do Chaves (recebe o Farense, a 29), que tem 60 pontos, e do Tondela (recebe o Santa Clara, a 29), que tem 59.
O Benfica B e o Sporting B apanham na tabela o Freamunde, com 57 pontos, sendo que as ‘águias’ ficam com o terceiro lugar por melhor diferença entre golos marcados e sofridos (18 contra 13 do Freamunde e quatro dos ‘leões’).
Previous Image
Next Image
Fotos: Pedro Costa
No jogo desta tarde os pupilos de Luís Castro foram mais rápidos sobre a bola, tiveram capacidade de pressionar alto o adversário e funcionaram como um bloco, face a uma equipa algo previsível, lenta de processos e que não vence desde a 30.ª jornada (1-0 no terreno do Leixões).
A segunda parte foi diferente e mostrou um Freamunde mais ambicioso e rápido, chegando a encostar o Porto B à sua grande área.
Raínho, que substituiu ao intervalo Huguinho, deu clarividência nas saídas para o ataque e por três vezes o Freamunde esteve perto do empate, por Luís Pedro, Tiago Mesquita e Barbosa.
A pressão dos locais acentuou-se com o recuo de Pedrinho para a posição de Barbosa, na zona central do terreno, substituído por Jorginho, que, numa intervenção infeliz, aos 72 minutos, perdeu infantilmente a bola a meio campo, possibilitando um contra-ataque que André Silva, facilmente, aproveitou para aumentar a diferença.
O golo funcionou como um ‘murro no estômago’ dos locais e as dificuldades acentuaram-se três minutos depois, com a expulsão de Luís Pedro, por acumulação de cartões amarelos.
O campeonato regressa a 27, para o reinício da 35.ª jornada, disputando-se nesse Sporting de Braga B – União da Madeira, com os insulares, sétimos da tabela, com 53 pontos, ainda motivados na corrida à subida de divisão.

Jogo no estádio do SC Freamunde, em Freamunde.
Freamunde – FC Porto B, 0-2.
Equipas:
– Freamunde: Marco Rocha, Tiago Mesquita, Rocha, Luís Pedro, Huguinho (Rui Raínho, 46), Pedrinho, Barbosa (Jorginho, 64), Robson, Leandrinho, Djim (Dally, 74) e Ansumane.
(Suplentes: Jorge Baptista, Amadeu, Rui Raínho, Lio, Jorginho, Dally e Paulo Roberto).
Treinador: Filó.
- FC Porto B: Kadu, David Bruno, Lichnovsky (Diego Carlos, 81), José António, Rafa, Tomás Podstawski, Francisco Ramos, Leandro Silva (João Graça, 89), Fréderic, André Silva e Pité (Roniel, 71).
(Suplentes: Caio, Diogo Verdasca, Diego Carlos, João Graça, Roniel e Anderson Dim).
Treinador: Luís Castro.
Árbitro: Rui Rodrigues (Lisboa).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Luís Pedro (14 e 75), José António (45+1), Pité (51), Rocha (52), Dally (78). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Luís Pedro (75).
Assistência: Cerca de 1.300 espetadores.

segunda-feira, 16 de março de 2015

SC Freamunde solidário: Recolha de sangue

Resumo Oriental 0-0 Freamunde


Oriental-Freamunde, 0-0 EQUIPA ORIENTADA POR FILÓ DOMINOU ENCONTRO


Oriental e Freamunde empataram este domingo 0-0, em Lisboa, em jogo da 34.ª jornada da 2.ª Liga, com os forasteiros a perderem a oportunidade de se colarem ao Chaves na liderança do campeonato.

O Freamunde dominou praticamente todo o encontro, beneficiando sempre das melhores ocasiões para fazer o golo da vitória, mas a formação de Filó mostrou desacerto na hora de finalizar, perante um Oriental que na segunda parte se remeteu à sua grande área procurando o empate.

Com a igualdade, o Oriental mantem-se no 14.º lugar, somando 45 pontos, enquanto o Freamunde tem 57 e falha a possibilidade de alcançar o Chaves na primeira posição, podendo perder o 2.º posto para o Tondela, que joga hoje na Madeira frente ao União.

A jogar em casa, o Oriental entrou melhor, com mais intensidade e dinamismo, mas sem chegar com perigo à baliza do Freamunde, que só apareceu no jogo depois dos 20 minutos, assumindo a partida até ao intervalo, sempre com o belga Djim em destaque.

O avançado emprestado pelo FC Porto teve três ocasiões para inaugurar o marcador. Aos 21 minutos, na sequência de um canto, surgiu solto na pequena área e cabeceou ao lado, aos 26 não aproveitou uma falha do defesa Hugo Grilo, que o colocou isolado dentro da área, atirando ao lado, e aos 36 desperdiçou novamente de cabeça, após cruzamento de Pedrinho.

O Oriental lutou muito, sempre com muita disponibilidade por parte dos jogadores, mas o desacerto de Henrique Gomes e Roncatto nas laterais não permitiu que a bola chegasse em condições ao avançado Mauro Bastos, que muita das vezes se via obrigado a sair da sua posição para tentar captar a bola.

A formação de João Barbosa só por uma vez incomodou Marco, num remate de meia distância de Bruno Aguiar que passou perto do poste, aos 43.

Na etapa complementar, o Freamunde voltou a entrar melhor, com mais vontade de desfazer o nulo, e Ansumane dispôs de uma boa oportunidade para marcar, aos 61 minutos, com o guineense a fazer todo o corredor direito e a atirar forte para uma defesa de recurso de Janota.

Até final, o Freamunde continuou a controlar o encontro remetendo a formação orientalista ao seu meio campo, e tentou chegar ao golo de todas as formas, mas nunca conseguiu bater Ricardo Janota.

Jogo no Campo Eng.º Carlos Salema, em Lisboa.

Oriental: Ricardo Janota, Tiago Rosa, Yago (André Almeida, 55), Hugo Grilo, João Pedro, Seidi (Miguel Paixão, 81), Bruno Aguiar, Tom, Henrique (Pedro Alves, 63), Mauro Bastos e Roncatto.
Suplentes: Mota, Pedro Alves, Valdo, Ballack, Leonel, André Almeida e Miguel Paixão.
Treinador: João Barbosa.

Freamunde: Marco, Mesquita, Rocha, Luís Pedro, Huguinho, Lio, Barbosa, Pedrinho (Raínho, 88), Ansumane, Djim (Dally, 80), e Leandro (Jô, 81).
Suplentes: Jorge Baptista, Rainho, Jo, Amadeu, Paulo Roberto, Braima Candé e Dally.
Treinador: Filó.

Árbitro: Marco Ferreira (Madeira).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Seidi (37) Lio (59), Mesquita (77).

Assistência: cerca de 350 espetadores.

LUSA

quarta-feira, 11 de março de 2015

Freamunde-U. Madeira, 0-0: Nulo em jogo de cautelas

Freamunde e União da Madeira anularam-se esta quarta-feira, na 33.ª jornada da Segunda Liga, e desperdiçaram os empates do Chaves e Tondela, mantendo-se separados por três pontos. A equipa insular continua em quarto lugar no final da jornada, agora com 53 pontos, a três de Tondela e Freamunde, que é segundo, e a seis dos flavienses, líderes da prova.

Num jogo com muitas cautelas de parte a parte e em que escassearam os lances de perigo, o Freamunde teve mais iniciativa, mas encontrou pela frente um adversário experiente, que soube fechar os espaços e não se importou de jogar atrás da linha da bola, apostando nos lançamentos para o avançado Mendy. Apesar do ritmo lento, houve grande aplicação de todos os intervenientes e grande intensidade na luta a meio campo, acentuando o desgaste nos jogadores, visível na segunda parte.

Ansumane, por duas vezes, aos 14 e 20 minutos, esteve perto de inaugurar o marcador, sendo necessário esperar mais 53 minutos para ver novo lance de perigo, por Djim, que viu o insular Soares negar-lhe o golo com o corpo, aos 73. 

Respondeu o União, aos 88, por Talles, com um remate cruzado, na única vez em que a equipa madeirense incomodou Marco. Sabendo que era mau perder pontos, mas proibido perder, o União procurou ser atrevido, sem por em causa a segurança defensiva, e viu premiada a estratégia, depois de Pedrinho, aos 88 minutos, de livre direto, ter acertado nas malhas laterais. 

Jogo no estádio do Freamunde, em Freamunde.

Freamunde-União da Madeira, 0-0.

Equipas:

Freamunde: Marco Rocha, Tiago Mesquita, Rocha, Luís Pedro, Huguinho, Pedrinho, Barbosa (Jô, 83), Robson, Fausto Lourenço (Leandrinho, 68), Dally (Djim, 57) e Ansumane.

Suplentes: Jorge Baptista, Amadeu, Rui Raínho, Jô, Leandrinho, Paulo Roberto e Djim.

Treinador: Filó.

União da Madeira: Ricardo Campos, Carlos Manuel, Zarabi, Roberto, Stéphane, Soares, Ruben Andrade, Filipe Chaby (Talles, 46), Barnes (Christo, 57), Mendy e Élio (Miguel Fidalgo, 78).

Suplentes: Trigueira, Jaime, Ayrton, Miguel Fidalgo, Diogo Firmino, Christo e Talles).

Treinador: Vítor Oliveira.

Árbitro: Tiago Martins (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Robson (26) e Mendy (69).

Assistência: Cerca de 600 espetadores.

LUSA

Resultados: II Liga, 33ª jornada

33.ª JORNADA

Benfica B-Feirense, 0-1
(Cafú 21')

Freamunde-U. Madeira, 0-0

Atlético-Marítimo B, 2-2
(Silas 55' g.p., Minor Lopez 90+3; Kukula 28', Marcos Barbeiro 73' )

Sp. Braga B-Oliveirense, 1-0
(Dolly Menga 79')

Olhanense-FC Porto B, 2-2
(Mastriani 2', Celestino 64'; Nuno Diogo 56' p.b., Frederic 58')

V. Guimarães B-Farense, 2-0
(Zitouni 60', Knezevic 63') 

Tondela-Sp. Covilhã, 2-2
(André Carvalhas 35', Bernardo Santos 46'; Bilel 19', Traquina 90+3 g.p.)

Trofense-Sporting B, 1-1
(Hélder Sousa g.p. 83'; Diego Rubio 41')

Portimonense-Beira-Mar, 0-3
(Edivândio 40' e 58', Fábio Santos 79')

Ac. Viseu-Leixões, 2-1
(Tiago Gonçalves 60', Luisinho 87' g.p.; Enoh 22')

Aves-Santa Clara, 1-1
(Pedro Pereira 52'; Vouho 40')

Chaves-Oriental, 1-1
(João Vieira, 50'; Mauro 88')

Autocarro para o Oriental


segunda-feira, 2 de março de 2015

Autocarro para a Covilhã

Resumo Freamunde 0-0 Sporting B


Freamunde-Sporting B, 0-0: Jogo sem grandes oportunidades

O Freamunde empatou, este domingo, na receção ao Sporting B, por 0-0, num jogo sem grandes oportunidades de golo.

Com este empate, que interrompeu uma série de quatro triunfos consecutivos, o Freamunde somando com 55 pontos.

O Sporting B entrou melhor no jogo, conseguindo suster o ataque e retirando espaço à organização de jogo do Freamunde, sem nunca perder de vista o ataque, através da velocidade dos alas Dramé e Sacko.

Os dois jogadores construíram o primeiro lance de perigo do encontro, aos 20 minutos, numa iniciativa de Sacko pela direita, concluída com um centro para a emenda de Dramé, que surgiu na diagonal.

Com o decorrer dos minutos, os locais, algo nervosos de início, começaram a ter mais bola e, aos 27 minutos, Robson, o elemento mais esclarecido do Freamunde, 'assustou' Luís Ribeiro, com um remate frontal de fora da área.

Num jogo nem sempre com a melhor qualidade, mas muito intenso e disputado a meio-campo, as defesas superiorizavam-se quase sempre aos ataques.

Até ao intervalo, Sacko, com um remate às malhas laterais, e Pedrinho, de livre direto, com a bola a desviar ainda no ferro, foram as exceções.

O Freamunde entrou melhor na segunda parte e, mais rápido sobre a bola, conseguiu jogar mais no meio campo contrário, mas sem traduzir esse maior domínio em oportunidades.

Aliás, neste período, só Dally, em tempo de descontos, chegou a ameaçar o golo, num remate travado pelo guarda-redes do Sporting, que, com as pernas, segurou um empate que se ajusta ao que se passou em campo.

Freamunde: Marco Rocha, Tiago Mesquita, Rocha, Luís Pedro, Huguinho, Pedrinho, Barbosa, Robson, Fausto Lourenço (Jô, 67), Djim (Dally, 46) e Ansumane.
Suplentes: Jorge Baptista, Amadeu, Rui Raínho, Jô, Leandrinho, Dally e Paulo Roberto.
Treinador: Filó.

Sporting B: Luís Ribeiro, Mauro Riquicho, Sambinha, Ewerton, André Geraldes, João Palhinha, Sacko (Gelson Martins, 55), Ryan Gauld, Wallyson, Dramé (Mica Pinto, 79) e Diego Rubio.
Suplentes: Guilherme Oliveira, Domingos Duarte, King, Mica Pinto, Francisco Geraldes, Cristian Ponde e Gelson Martins.
Treinador: João de Deus.

Árbitro: Paulo Baptista (Portalegre).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para André Geraldes (35), Rocha (39), Wallyson (42), Huguinho (42), Diego Rubio (45), Ryan Gauld (74), Dally (78) e João Palhinha (87).

Assistência: Cerca de 1.100 espetadores.